Aperte “Enter” para pesquisar

Artigos

Osteoporose Sem Fraturas É Possível

Atualizado em: 02/11/2017 às 17h12

 

Mais de 200 milhões de pessoas em todo o mundo sofrem de osteoporose. No Brasil, estima-se que cerca de 10 milhões — um a cada 17 brasileiros — também sofram com o mal, segundo dados da International Osteoporosis Foundation (IOF). A desinformação colabora para hábitos preventivos, como a manutenção de uma dieta equilibrada e rica em cálcio, prática de exercícios físicos, e a visita regular ao médico.

 

“Uma a cada três mulheres com mais de 50 anos tem a doença e 75% dos diagnósticos são feitos somente após a primeira fratura. São seis casos de osteoporose feminina para cada caso de osteoporose masculina”, afirma o ortopedista Rubene Campos, da Santa Casa de Misericórdia do Rio. A doença é a principal causa de fratura de fêmur. Segundo a IOF, são mais de 9 milhões por ano no mundo, uma a cada três segundos.

 

Cuidados para a prevenção

No Dia Mundial da Osteoporose (20/10) José Ribamar Moreno, diretor médico do Centro de Tratamento Intensivo da Dor (CTIDor), recomenda algumas atitudes para a prevenção. Uma delas é tomar sol pelo menos 30 minutos por dia, até 10h e após as 16h.

 

“O organismo humano obtém através dos raios ultravioleta B a vitamina D, que melhora a absorção do cálcio, fortalecendo os ossos. A exposição solar é a melhor forma de se obter a vitamina D, indispensável para a absorção do cálcio pelo organismo”, explica. A exposição entre 15 e 20 minutos por dia é suficiente.

 

Fazer exercícios aeróbico regularmente, como caminhadas, esteira ou natação de 25 a 40 minutos, em dias alternados, além de exercícios de musculação com carga leve a moderada também ajuda a melhorar o metabolismo do osso e retarda a perda óssea. Ele também aconselha ingerir alimentos riscos em cálcio, como brócolis, sardinha, espinafre, leite e seus derivados.

 

“É necessário fazer exame preventivo de densidade mineral óssea a partir dos 45 anos nos pacientes derisco, como mulheres em menopausa precoce ou que fizeram cirurgia para retirada dos ovários, pessoas que tomam medicamentos que reduzem a massa óssea e pacientes que tenham parentes diretos com história de osteoporose e complicações da doença”.

 

O Programa de Prevenção da Osteopenia & Osteoporose

O Programa de Prevenção da Osteopenia & Osteoporose da CLIMEP apresenta as seguintes características:

  • BIFOSFONATOS INJETÁVEIS ORIGINÁRIOS DIRETAMENTE DO FABRICANTE
  • MÉDICOS E DEMAIS PROFISSIONAIS DE SAÚDE DA CLÍNICA HABILITADOS PELO FABRICANTE para correta administração de bifosfonatos injetáveis com vistas ao melhor resultado e à menor chance de eventos adversos.
  • Acompanhamento do paciente para efeito de REGULARIDADE DAS ADMINISTRAÇÕES TRIMESTRAIS, OU ANUAIS.
  • Condições facilitadas para tornar este SERVIÇO ACESSÍVEL.
Compartilhar
FacebookTwitterGoogle+EmailWhatsApp

Ligamos para Você








Atendimento por Whatsapp









Atendimento por Email









Consulte Preços








Assine nossa Newsletter




Receber Mais Informações