Aperte “Enter” para pesquisar

Artigos

MENINGITE – JOVEM MORRE NO AURÁ E MORADORES DENUNCIAM SUPOSTO SURTO

Atualizado em: 12/03/2019 às 14h55

Uma moradora do bairro do Aurá, em Ananindeua, Região Metropolitana de Belém, denunciou um suposto surto de meningite em uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) localizada no loteamento Carlos Marighella. Segundo a denunciante, Solange Ataíde, de 52 anos, dois pacientes vieram a óbito com a suspeita da doença no último sábado (9).

 

Ainda de acordo com Solange, uma criança, com idade entre 5 e 6 anos, também faleceu com a doença na manhã de hoje (11). Ela ainda afirma que outro paciente está na área de isolamento da unidade com a suspeita da doença.

 

A Secretaria Municipal de Saúde de Ananindeua (Sesau) informou que uma paciente de 19 anos realmente foi a óbito no local nesta segunda-feira, vítima de meningite bacteriana. A paciente estava internada no local desde a última sexta-feira (8), após se encaminhada da urgência do Paar. A Sesau, entretanto, afirma que a ocorrência foi um caso isolado, não caracterizando um surto.

 

A moradora relatou que o local está isolado e que os pacientes que precisam utilizar os serviços de saúde não estão podendo entrar na unidade. Somente os funcionários circulam pela área com o uso de máscaras de proteção. “Desde o último domingo, ninguém entra na UPA. A gente só vê os funcionários entrando no local. Eles até estão passando mais tempo fora do que dentro da unidade, pois estão com medo de serem infectados”.

 

A internauta ainda ressalta a preocupação dos moradores da área com a falta de informação, além do fato da UPA ficar localizada quase ao lado de uma escola do bairro. “A revolta é qe ninguém informa o que está acontecendo. Ninguém se manifesta para transferir para um local adequado esses pacientes. E o pior é que temos uma escola quase ao lado da unidade”.

 

A Prefeitura de Ananindeua afirmou ainda que “a direção da UPA Marighella providenciou a profilaxia em todos os pacientes internados/observação, assim como em todos os acompanhantes dos pacientes”, assim como em todos o servidores desta UPA. A Sesau ainda afirma que “sala do grave será isolada para higienização, conforme orientação do hospital Barros Barreto”.

 

À noite, a Secretaria Municipal de Saúde de Ananindeua informou que tomou conhecimento do caso de Meningite Bacteriana ocorrido na UPA Marighella e que “ao chegar lá constatou que a paciente havia falecido e que várias medidas foram tomadas sem a orientação desta Sesau. Foram repassadas as medidas corretas, conforme NOTA TÉCNICA 01/2018- DVE/ DEPI/ SESPA onde foi feita a ficha de notificação do agravo, entregue nota Técnica e foram repassadas orientações. Não fomos informados de nenhum outro caso”, disse.

 

A Sesau informou também que serão feitas novas capacitações sobre Meningite para que não ocorram novamente situações semelhantes.

 

Compartilhar
FacebookTwitterGoogle+EmailWhatsApp

Ligamos para Você








Atendimento por Whatsapp









Atendimento por Email









Consulte Preços








Assine nossa Newsletter




Receber Mais Informações