Aperte “Enter” para pesquisar

Artigos

Meningite Já Matou 6 Este Ano

Atualizado em: 03/11/2017 às 19h12

 

Uma bactéria, vírus ou fungo, que entra na corrente sanguínea, vai até qualquer parte do corpo e pode matar em poucos dias. A morte do filho do desembargador aposentado do TJ-MS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), Carlos Stephanini, causou tristeza e espanto a familiares e amigos, na semana passada. Fabiano Jacobina Stephanini, morreu aos 43 anos, depois de ficar cinco dias internado por meningite aguda, uma doença que tem sintomas parecidos com uma gripe qualquer.

 

Advogado bem sucedido e jovem, Fabiano passou poucos dias doente até morrer. A princípio, familiares imaginaram que mal estar sentido por ele era apenas um resfriado, isso porque os sintomas são semelhantes aos da meningite, aparecem de algumas horas até dois dias após a infecção, e é justamente esse motivo da doença ser tão perigosa.

 

Causas

A maioria dos casos de meningite é provocada por vírus ou bactérias, mas a doença também pode ser transmitida via fungos. Outros fatores também podem desencadear num quadro de meningite, como alergias a determinados medicamentos, alguns tipos de câncer e também inflamações.

 

A meningite viral pode ser causada por diversos tipos de vírus e é a forma mais comum e menos perigosa de meningite, pois muitas vezes nem exige tratamento. Os vírus causadores da meningite podem ser transmitidos via alimentos, água e objetos contaminados e são mais comuns entre o fim do verão e o começo do outono.

 

A bacteriana é a mais grave de todas. Ela ocorre geralmente quando a bactéria entra na corrente sanguínea e migra até o cérebro. Pode acontecer, também, de a doença ser desencadeada após uma infecção no ouvido, fratura ou, mais raramente, após alguma cirurgia. Existem mais de uma bactéria capaz de transmitir a doença. “Ela tem uma evolução muito mais maligna que a meningite viral. Dependendo da circunstância, pode deixar uma sequela muito maior como, por exemplo, surdez e levar a morte”, explica o médico.

 

Prevenção

Existem vacinas para meningites causadas por bactérias (bacilo da tuberculose, hemófilos b, meningococos A, B, C, Y e W135 e 23 sorotipos de pneumococos) e por vírus (sarampo, caxumba, febre amarela entre outros). As vacinas são específicas para cada agente etiológico não oferecendo proteção para os outros. Exemplo: a vacina para o meningococo ACWY só protege para esses sorogrupos, e não para o de sorogrupo B ou vice-versa.

Compartilhar
FacebookTwitterGoogle+EmailWhatsApp

Ligamos para Você








Atendimento por Whatsapp









Atendimento por Email









Consulte Preços








Assine nossa Newsletter




Receber Mais Informações